Ou você toma atitude. Ou você toma no cu.
O amor é ridículo até você se apaixonar. E é bonito até alguém te decepcionar.
Capitule.  (via s-i-m-p-l-i-f-i-c-a-r)
Seja o amor que você gostaria de ter.
França 1997  (via prestigiador)